[Spam Outer] The' fuck de e-mail é esse?

Discussão em 'Vale Tudo' iniciada por New_Wave, 30 Maio 2013.


  1. New_Wave Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    3,099
    Pontos de Troféu:
    249
    :khuh
    :kzonzo
  2. jasque Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    7,963
    Pontos de Troféu:
    429
    Posta as fotos aqui
  3. £øk Ei mãe, 500 pontos!

    Número de Mensagens:
    25,665
    Pontos de Troféu:
    614
    Cara, ela tá te dando mole......responde, pega e depois conta pra gente!
  4. New_Wave Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    3,099
    Pontos de Troféu:
    249
    Feras, repararam o 69 ali?

    Acho que ela quer colar em mim! :kforever
  5. Anônimo Kun Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    6,102
    Pontos de Troféu:
    384
    eita porra :klol

    O Cebola deu de mandar spam agora ?
  6. andersonjpr Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    4,003
    Pontos de Troféu:
    234
    Cara, eu recebi esta merd* de email também hoje, como será que isso veio parar na minha caixa particular:khuh?
  7. Follow Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    7,185
    Pontos de Troféu:
    429
  8. queiroz2016 Ser evoluído

    Número de Mensagens:
    250
    Pontos de Troféu:
    44
    chegou hj pra mim tb
  9. Dark_Schneider_ Ei mãe, 500 pontos!

    Número de Mensagens:
    17,267
    Pontos de Troféu:
    674
    Esse é o famoso Golpe dos Nigerianos


    O golpe dos nigerianos,
    O golpe 419,
    (4-1-9 scam).
    A fraude da antecipação de pagamentos (Advance Fee Fraud)
    [IMG]


    1

    Isto aqui não é uma lenda e não faz parte do folclore, às vezes divertido, da Internet. Não tem origem desconhecida, não fala de algo inexistente como um falso vírus ou um gatinho bonsai.

    O que se apresenta a seguir é um golpe real e criminoso originado na Nigéria, mas que já se espalhou por grande parte da África e por alguns países da Ásia e da Europa.

    Esse golpe tem feito muitas vítimas em todo o mundo. Algumas pessoas foram assassinadas e outras encontram-se desaparecidas vítimas desse golpe.
    Além da Nigéria, há golpes originados ou que mencionam o Afeganistão, África do Sul, Angola, Costa do Marfim, Benin, Congo, Dubai, Etiópia, Filipinas, Gâmbia, Gana, Ilhas Maurício, Libéria, Marrocos, Senegal, Serra Leoa, Somália, Suazilândia, Tanzânia, Togo, Zaire e Zimbábue. Da Europa, já marcaram presença alguns golpistas da Holanda e da Iugoslávia. Japão, China, Malásia e Taiwan também já marcaram presença na fraude.


    Até da China surgem mensagens o que leva a crer que chineses estão a falsificar o famoso golpe da Nigéria :)


    Não é um negócio da China, é um negócio da Nigéria. É o famoso golpe 4-1-9, o equivalente nigeriano do 171 brasileiro: estelionato, conto do vigário. O nome atribuído a esse golpe é muito sugestivo: AFF - advance fee fraud, a fraude da antecipação de pagamentos.

    Segundo a página Nigerian Scam / Quatloos o golpe 4-1-9, o "419scam" é a terceira maior fonte de renda da Nigéria.

    Esse golpe, surgido pela metade da década de 80, goza de uma certa se não simpatia por parte dos agentes do governo, pelo menos de uma compreensão bastante peculiar de modo que a ação contra os vigaristas nigerianos é praticamente inexistente. Parece algo como o "combate" ao jogo do bicho no Brasil, uma contravenção consentida.

    Segundo a polícia britânica, mais de 3.000 cartas são distribuídas todas as semanas propondo o golpe 4-1-9. Não há estimativas quanto à quantidade de e-mails enviados propondo o mesmo negócio.

    Uma das características desse golpe é o baixo "investimento" necessário para aplicá-lo. No passado, para reduzir os custos, os pilantras chegavam até mesmo a falsificar selos dos correios da Inglaterra.

    Hoje, basta um microcomputador e uma conta num provedor. Os e-mails podem ser comprados a um desses spammers que fornecem milhões de endereços eletrônicos para a prática de spam. Um desses spammers brasileiros, por exemplo, vende lista com 26,8 milhões de e-mails por 60 reais.

    O fato é que todas as semanas chegam, à Nigéria, vítimas com a intenção de botar a mão em alguns milhões de dólares e todas elas estão com a esperança de entrar num suposto esquema de fraude contra o governo nigeriano, contra a empresa de petróleo, a Nigerian National Petroleum Corporation - NNPC ou contra ex-funcionários corruptos do antigo regime militar deposto em 1998.

    A banda podre do governo vê esses visitantes como gente a ser depenada. A banda saudável vê essas vítimas como espertalhões em busca de dinheiro fácil. A vítima, o esperto que pretende iludir e enganar os pobres e subdesenvolvidos nigerianos fica entre a cruz e caldeirinha. E uma vez consumado o golpe, na maioria das vezes, ele não vai prestar queixa nem passar recibo de otário. Tem de assumir o prejuízo, ficar calado e ponto final.

    São tantos os golpes financeiros originados da Nigéria que existem páginas da web especializadas em analisar as suas diversas facetas. O sítio Financial & Tax Fraud-- Education Associates / Quatloos apresenta mais de cem diferentes modelos de cartas e de mensagens enviadas a vítimas em potencial do mundo todo.

    No texto Tips for Business Travelers to Nigeria ou Dicas para Viagens de Negócios à Nigéria encontram-se recomendações para os viajantes que pretendem ir para esse país. Nenhum outro país é "beneficiado" com tantos alertas.

    Agências governamentais norte-americanas estimam em várias centenas de milhões de dólares os prejuízos causados aos seus cidadãos. Há quem fale em 2 bilhões de dólares por ano. Vale levar em conta que uma parte significativa das vítimas não apresenta queixas nem comunica a fraude com receio de passar pelo ridículo, de se expor ao vexame de ter caído num golpe de certa forma bastante primário.

    Segundo Truth or Fiction , em 2001 pelo menos 2.600 americanos perderam dinheiro com esse golpe. Dezesseis dessas vítimas perderam mais de 300 mil dólares cada uma.

    David Lazarus, colunista do San Francisco Chronicle diz, em seu artigo Greed fuels big Internet scam (12-jan-2003), que o serviço secreto dos EUA (USSS) rastreou 85,5 milhões de dólares perdidos por americanos durante o ano de 2002. Essa é apenas uma parcela do valor levado pelos autores do golpe, pois, para o USSS (United States Secret Service), muita gente não abre o bico depois de cair na esparrela.

    Cada uma das vítimas cujos nomes chegaram ao conhecimento do USSS perdeu, em média, 342 mil dólares.

    Sanni Abacha, o mais brutal, corrupto e sanguinário general-ditador africano é mencionado em várias mensagens. Abacha morreu em junho de 1998. (Ele nem teve direito a umas férias em Londres ;<(((
    As mensagens falam que o general Sanni Abacha teria morrido de infarto. Segundo THE LOST BILLIONS, Abacha morreu de ataque cardíaco ao participar de uma orgia, "movida" a viagra, com três prostitutas.
    O montante roubado pelo general é estimado em mais de quatro bilhões de dólares, boa parte desviada para bancos suíços e norte-americanos. É uma parcela desse dinheiro roubado que os vigaristas prometem aos destinatários das mensagens.

    Outras mensagens falam em Johnny Paul Koroma, chefe da junta militar que governou Serra Leoa entre maio de 1997 e fevereiro de 1998.

    Em minha caixa de correio estão algumas mensagens propondo negócios milionários.

    A partir de 2009, mensagens redigidas em português capenga invadiram a Internet. A partir de mensagem em inglês, o vigarista usa um programa tradutor e o resultado é desastroso.

    Veja esta aqui de julho de 2010:

    "Sou Mra Celia Lucas, De Kuwait. Estou casado com o Sr. Oliviera Lucas, quem trabalhou com Kuwait embaixada em Costa de Marfim... Quando meu atrasado marido esteve vivo ele depositou a soma de US$2.500.milhão de dólares..."


    Esta outra é típica do golpe.

    "Eu sou Mrs. Mariam Abacha, viúva do general Abacha ex-chefe do governo militar da Nigéria, diz a mensagem. Há pouco tempo, o atual governo nigeriano descobriu, num banco suíço, a soma de 700 milhões de dólares e mais 450 milhões de marcos alemães. Desse montante, consegui liberar, secretamente, 28,6 milhões de dólares e esse dinheiro encontra-se em segurança. Preciso, urgentemente, de sua ajuda para transferir os 28,6 milhões de dólares para o seu país onde, acredito, ele estará em segurança. Meu advogado providenciará um encontro com o senhor, fora da Nigéria, e lhe entregará os recibos de remessa da bagagem contendo o dinheiro para que o senhor possa liberá-la na empresa aérea. O senhor receberá 30 % do valor total e o restante do dinheiro ficará sob os seus cuidados até que o atual governo nigeriano me dê alguma liberdade de movimento."

    Em outra versão, a viúva Alhaja Mariam Abacha afirma haver obtido o nome do destinatário da mensagem na agenda de endereços do marido dela.

    "É com o coração cheio de lágrimas que peço a sua ajuda neste momento de pesar. Falsas alegações de assassinato de alguns políticos e de defensores da democracia, acusações de roubo de dinheiro público foram lançadas contra o meu marido. Como consequência, nossos bens e a nossa conta bancária foram confiscados nos deixando sem meios de sobrevivência."

    Ela conseguiu recuperar apenas 60 milhões de dólares enviados para Ghana logo após a morte do general. É esse dinheiro que ela vai transferir para o país do destinatário da mensagem. Como recompensa por sua ajuda, o destinatário e parceiro receberá 10 milhões de dólares. Esse assunto deve ser tratado sob sigilo absoluto através do e-mail do advogado da madame. E a pobre e triste viúva finaliza: "Garanto que não há riscos envolvidos nessa transação e que Alá o abençoe."

    O Dr. Hassan Abubaka promete participação no butim do general Abacha contando com a colaboração de Mrs. Maryam Haddiya Abacha, esposa do general. A mensagem diz que a pobre viúva dispõe de 31,5 milhões de dólares e precisa da sua ajuda, da ajuda do destinatário da mensagem. Uma pequena ajuda: tudo o que escolhido tem de fazer é dispor de uma conta corrente para onde o autor do golpe possa transferir os 31,5 milhões de dólares. O dinheiro encontra-se em segurança e logo o escolhido vai poder contar com uma generosa comissão a título de reconhecimento pelos serviços prestados.

    Fash Badmus está com um pequeno problema e precisa de ajuda. Ele dispõe de 45,5 milhões de dólares, uma ínfima parcela dos 4,5 bilhões dólares roubados pelo general Abacha. Esses 45,5 milhões correspondem ao primeiro negócio para que eles, os vigaristas e a vítima, possam ganhar confiança mútua.

    "Eu sou Rasaq Mustapha filho do Major Hamza Al Mustapha antigo Chief Security Officer do General Sanni Abacha" diz outra mensagem. "Eu e minha mãe concordamos em lhe pagar uma comissão de 30% e mais 5 % para despesas diversas sobre o montante de 35 milhões de dólares. Esse dinheiro encontra-se nos Estados Unidos para onde foi enviado clandestinamente. Tudo o que você tem de fazer é nos enviar dados detalhados do seu passaporte, seu endereço completo para onde as chaves das caixas com o dinheiro serão enviadas via DHL, seus números de telefone e de fax. Eu, (Rasaq) e minha mãe lhe enviaremos os recibos de envio das caixas, a senha do código de segurança (password), o certificado de depósito, o termo de compromisso entre o meu pai e a empresa de guarda das caixas e as chaves das caixas."

    NIGERIAN NATIONAL PETROLEUM CORPORATION. FEDERAL SECRETARIAT, FALOMO - LAGOS, NIGERIA. TEL: 234-1-775-6839 FAX: 234-1759-6668. É o Dr. Adams Dagogo quem assina a mensagem. Ele se apresenta como Diretor de Engenharia & Projeto da Nigerian National Petroleum Corporation (NNPC) e precisa da ajuda do destinatário da mensagem para transferir 41,5 milhões de dólares. Ele fez um belo contrato para compra de computadores e mais assistência técnica envolvendo o Y2K, o bug do milênio. O valor original do contrato era de 105,5 milhões de dólares, mas ele obteve melhores preços com os búlgaros de modo que o custo total foi de apenas 64 milhões de dólares. O troco, os 41,5 milhões, ele vai dividir com um felizardo colaborador.

    Prince Vom Tete conta com você. Não dá pra saber se Prince é nome próprio ou se o rapaz é membro da realeza. Qualquer uma realeza, porque isso não vai fazer diferença alguma, pois o destinatário da mensagem sairá lesado do mesmo jeito se entrar nessa. De qualquer forma, o valor da proposta é tão ridículo que eu me recuso a fazer maiores comentários. Ele dispõe de apenas 15,4 milhões de dólares. Uma mixaria. O fato é que um chinês de Taiwan já levou 7,5 milhões de dólares e não deu mais notícias. Até agora os valores eram bem mais interessantes: 41,5 milhões, 45 milhões, 35 milhões isso sem falar no aceno dos 4,5 bilhões do Fash Badmus. (Veja que Sua Alteza Real deixa no ar uma vaga possibilidade de o destinatário da mensagem também aplicar nele o mesmo golpe que lhe foi aplicado pelo chinês: receber a grana e dar no pé.)

    O próximo.

    Alhaji Akimola Bayo fala de dinheiro grande: 66,56 milhões de dólares. Foi isso que ele e a turma dele descobriram que estava disponível numa "suspense account". Quer dizer, depois de pagarem todas as contas houve uma sobra de caixa, algo como uma generosa sobra de campanha tão conhecida por aqui. Você participa e ganha 25 % e mais 5 % para despesas contingenciais.

    O Dr. Tom Awakk, médico e confidente da viúva Abacha, fala de 65 milhões de dólares e paga comissão de 40 % para você participar do golpe. A história é quase a mesma. A pobre viúva do general Abacha está com essa dinheirama, não sabe o que fazer com 65 milhões de dólares e tem certeza de que você é uma pessoa de bem, uma pessoa honesta e de confiança. Por isso, ela conta com você para transferir esse dinheiro para a sua conta bancária.

    Alfred Johnson, funcionário da NNPC - a empresa estatal de petróleo da Nigéria tem a receber uma comissão de 10 % sobre um contrato de U$ 350 milhões de dólares. O dinheiro está pronto para ser depositado, mas há um problema: Mr. Johnson não tem conta corrente em banco no exterior, quer dizer, não tem conta fora da Nigéria. Ele apela para os préstimos do destinatário da mensagem no sentido de aceitar que ele deposite em sua conta essa dinheirama: os U$ 35 milhões de dólares.

    Logo após a morte do general Sani Abacha, diz outra mensagem, o novo governo da Nigéria descobriu 580 milhões de dólares em vários bancos pelo mundo a fora, dinheiro resultante de negócios com petróleo. Desse montante, U$ 21.373.000,00 foram recuperados pela viúva do general, a senhora Maryam Abacha. Devido a uma situação de extrema urgência, a senhora viúva deseja transferir para fora da Nigéria esse dinheiro a ser depositado na conta corrente de uma pessoa compreensiva e de confiança: você, o destinatário da mensagem. Como retribuição por tão amável serviço, o destinatário da mensagem será recompensado com 20 % do total: exatos U$ 4.274.600,00. É o que assegura Wase Kabiru signatário da mensagem e procurador da viúva.

    O Dr. Alli Katsina diz que o nome, ou melhor, o e-mail do destinatário foi indicado a ele por um funcionário da Câmara de Comércio da Nigéria que, por sua vez, nada sabe da natureza da proposta contida na mensagem. O funcionário sabe apenas que o Dr. Katsina tem algum dinheiro para investir no exterior e, por isso, ele indicou o e-mail do destinatário: você. São U$ 25 milhões, dos quais você recebe 30 %: 7,5 milhões de dólares como retribuição pelos serviços prestados. Tudo deve se resolver em catorze dias úteis.

    Mr. Joseph Nelson é filho de um colaborador do Major Johnny Paul Koroma de Serra Leoa. Ele fala de 20,6 milhões de dólares originados de negócios com diamantes, a principal fonte de recursos do país, e que pertenciam a Johnny Paul Koroma. A mensagem não esclarece como o dinheiro foi cair nas mãos do pai de Mr. Nelson, morto poucos meses depois de chegar ao exílio na África do Sul. Único herdeiro dessa fortuna, guardada em segurança na África do Sul, Mr. Nelson vai pagar ao destinatário da mensagem 20 % dos U$ 20,6 M (4,12 milhões de dólares) e mais 5 % para despesas gerais durante as negociações. Ele pede a maior discrição no trato do negócio devido à posição do pai dele e da origem do dinheiro.

    David Wazing diz que Gene Billings, um americano morto no acidente da EgyptAir em outubro de 1999, deixou 10,5 milhões de dólares numa conta do Eco Bank da Nigéria. Depois de pesquisar, sem sucesso, a respeito de parentes herdeiros do acidentado, Mr. Wazing agora quer transferir os 10,5 milhões para fora da Nigéria antes que o banco fique com o dinheiro todo para si.

    Isa Mbeki é representante de um grupo de funcionários interessados em importar bens produzidos no país da vítima. A história é a mesma de sempre: dinheiro roubado para pagar as importações, 20% de comissão para o parceiro.

    O dia 21 de abril de 1999 foi um dia nefasto, como dizem os horóscopos. Ou um dia de grandes oportunidades para os vigaristas. Nesse dia, teriam ocorrido 3 acidentes de carro. Em cada um dos acidentes, morreram um casal e os respectivos filhos. Coincidentemente, os 3 homens mortos, George Zilli, Kenneth Evangelista e Pedro M. Coimbra trabalhavam no mesmo tipo de negócio ou empresa: Shell-development Company e todos eles deixaram heranças valiosas. Os valores oscilam entre 5,2 e 26 milhões de dólares.

    George Udumego, Oscar Prince e John Obika bem que se esforçaram para encontrar os herdeiros, mas não conseguiram. Como o destinatário da mensagem tem o mesmo sobrenome da vítima do acidente, o barrister pode arranjar para que ele, o destinatário, se passe como parente do desditado morto e receba a polpuda herança.

    Sodindo Malinga do Zimbábue dispõe de 8,6 milhões de dólares para a transação. Comparando com as demais ofertas, é pouco dinheiro. Além disso, ele é um pão duro e oferece apenas 10 % de comissão.

    Mr. George M. Erim quer a sua ajuda para desovar 35 milhões de dólares. Paga comissão de 30 % e blá, blá, blá... Outra mensagemtem os dados do remetente removidos.

    Alguns vigaristas até que são espirituosos. Um deles é Mr. Fortune Musa, ou seja 'musa da fortuna'. Ele é gerente do Nigerian Development Bank, Lagos, Nigéria e pede que o destinatário se apresente como parente de Mr. Steve Lin Chen, morto em acidente de carro. São 27,5 milhões de dólares deixados pelo falecido. Comissão de 30% mais 5% para despesas gerais.

    Em princípios de 2003, começou a circular mensagem assinada porLois Estrada que se diz mulher do ex-presidente filipino Joseph Estrada defenestrado por corrupção em janeiro de 2001. A conversa é a de sempre: dinheiro obtido de forma ilegal que se pretende compartilhar com um comparsa de outro país.

    Uma mensagem bem curiosa é enviada por Charles Kalu, um golpista principiante e meio trapalhão. Logo no início, ele diz

    MY NAME IS ,

    e esquece de completar o nome. Quando vai revelar a quantidade do dinheiro disponível, veja só os valores:

    I DISCOVERED THAT MY BRANCH IN WHICH I AM THE MANAGER MADE SIX HUNDRED AND EIGHTY THOUSAND US DOLLARS ($750,000.00)

    Além de ser pouco dinheiro para os padrões do golpe, ele não sabe escrever o valor. E esquece o próprio nome.

    Uma variante que atrai muitos incautos é a proposta de doação de dinheiro para uma igreja ou obras de caridade.

    Mrs. Sarah Rowland, uma viúva muito religiosa, está com câncer e só tem mais 3 meses de vida. Sem filhos nem herdeiros, ela pretende doar 27,6 milhões de dólares para uma igreja ou pessoa que se disponha a usar essa fortuna em orfanatos e outras obras de caridade. Ela não informa o número do telefone dela com receio de que os parentes do falecido marido saibam alguma coisa sobre o dinheiro, pois sempre há um deles por perto.

    Uma versão diz que Mrs. Sarah Rowland mora na Malásia. Em outra versão, ela se apresenta como viúva do Dr. Alan George Rowland, ex-funcionário da embaixada nigeriana na África do Sul. Mrs. Sarah Rowland também se apresenta como viúva do mesmo Dr. Alan George Rowland, mas um ex-funcionário da embaixada da Malásia na África do Sul.

    Dr.Michael.J.Leyden escreve em castelhano confuso misturado com palavras em inglês para dizer que está disposto a doar dinheiro para caridade.

    Veja a reportagem ABC NEWS Nigerian Scam Documentary(419).
  10. -lukaz- Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    1,827
    Pontos de Troféu:
    204
    aproveita essa oportunidade que a vida te deu e parte pra cima.
  11. Beiçola From Hell Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    11,756
    Pontos de Troféu:
    343
    Eu nem abro e-mails que não conheço para não ter dor de cabeça, acho que essa foi a regra número um que aprendi com a internerdz lá por volta de 96.
    BurnsCT aprova isto.
  12. BurnsCT Supra-sumo

    Número de Mensagens:
    2,366
    Pontos de Troféu:
    198
    Mesma coisa aqui. Mas confesso que sinto falta de receber mensagens de Sheiks através querendo depositar milhões na minha conta.

    Enviado de meu Galaxy Nexus usando o Tapatalk 2
    New_Wave e Beiçola From Hell curtiram isto.
  13. Beiçola From Hell Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    11,756
    Pontos de Troféu:
    343

    Ou aquela infinidade de mulheres querendo fazer as sacanagens mais absurdas. :klol
  14. konde10 Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    8,429
    Pontos de Troféu:
    479
    Se elas oferecessem um jogo de PS3 pelo menos, se for só para sexo eu nem vou.
  15. antonioli Ei mãe, 500 pontos!

    Número de Mensagens:
    44,194
    Pontos de Troféu:
    949
    Então. Só responder que receberá foto.
  16. Zilhu Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    2,107
    Pontos de Troféu:
    293
    "Clique nas minhas fotos e veja se me deseja"
    "FOTOS_GOSTOSA.exe"
  17. Blasko Supra-sumo

    Número de Mensagens:
    902
    Pontos de Troféu:
    179
    Já recebi uma porrada desses scams. Uma era de uma mina filha de um embaixador de um país da Africa, que o pai foi perseguido a assassinado e agora estavam atras dela, ela pedia grana pra fugir pro Brasil e mandava uma foto fake mó safada.
    Outros de heranças perdidas em banco da nigéria onde o juiz falava que se fosse depositado numa conta fora do país lá o dinheiro não seria investigado.. ai ele queria me dar uma parte. Também de um grande empresário que queria investir no meu país, abrir uma franquia das lojas deles e confiava em mim para gerenciar sua loja.. e tantos outros.
  18. Jujuba o cão idealista Ei mãe, 500 pontos!

    Número de Mensagens:
    18,263
    Pontos de Troféu:
    659
    recebi umas fotos por e-mail de uma "safada safadinha", certa vez. acho que nem era spam, ela tinha aparecido no msn e conversava. acho.

    respondi com

  19. patrickmayer Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    4,325
    Pontos de Troféu:
    314
    cuidado esse teu rim


    "mães solteiras precisam de cacetes"
  20. New_Wave Bam-bam-bam

    Número de Mensagens:
    3,099
    Pontos de Troféu:
    249
    [IMG]
    Gkaarl, patrickmayer e jasque aprovam isto.

Compartilhe essa página